Bem-vindo ao website da Schneider Electric

Bem-vindo ao nosso site.

Pode selecionar outro país para consultar os produtos disponíveis ou aceder ao nosso website global para obter informações sobre a empresa.

Escolha outro país ou região

  • Como as concessionárias podem otimizar a operação avançada da infraestrutura de medição

Texto Padrão Alternativo
Recursos poderosos de filtragem e relatórios AMI facilitam a identificação e a solução de problemas.

A dinâmica evolução do setor, as pressões do mercado e a regulamentação crescente têm levado as concessionárias a achar soluções para aumentar a eficiência da energia, reduzir custos e melhorar os serviços ao cliente. Para isso, as concessionárias hoje estão implantando operações de infraestrutura de medição avançada (AMI), mas a instalação e a execução ainda são um desafio.

Implementar um sistema AMI eficaz envolve não apenas medidores inteligentes, mas também comunicações interligadas, coleta de dados e capacidade de gestão do fluxo de trabalho. Para os melhores resultados, as concessionárias costumam se apoiar em um único prestador de serviços para gerenciar toda a implantação, integração, operação e evolução de um sistema.

Três pilares para a eficiência

Na avaliação de prestadores de serviços, as diretrizes são claras: Um prestador deve apresentar os três pilares de uma operação AMI eficiente:

  1. 1. Definição: Entendimento profundo dos objetivos da concessionária, ao desenvolver o sistema AMI e um grande foco nos objetivos fundamentais.
  2. 2. Desenvolvimento: Visão sólida sobre os processos operacionais, aliada ao compromisso de desenvolver processos alinhados com a necessidade da concessionária.
  3. 3. Integração: A combinação de ferramentas poderosas de TI e profissionais qualificados para integrar dados coletados pelo sistema AMI.

Em resumo, decidir se um prestador de serviços pode garantir um sistema AMI de sucesso e a integração eficaz dos dados AMI às operações diárias depende da sua capacidade de fornecer pessoal bem treinado, rotinas bem definidas de operação e ferramentas de software poderosas.

O que buscar em um prestador de serviços

Um prestador de serviços gerenciados qualificado e que possa fornecer os três pilares da eficiência do AMI oferecerá:

  • serviços de leitura de medidor confiável que monitorem a funcionalidade
  • serviço corretivo que minimize interrupções
  • substituição eficaz de medidor
  • análise e acompanhamento de valores fora da qualidade
  • otimização do sistema habilitada pela expertise em TI.
 Características de uma implementação AMI eficaz

Os projetos AMI consistem de duas etapas: implantação e operação. Na etapa de implantação, os medidores do escopo inicial do projeto são substituídos, a infraestrutura de comunicação é estabelecida e os dispositivos são configurados. A etapa de operação é contínua e começa na conclusão da etapa de implantação. As atividades na etapa de operação vão desde a nova instalação, substituição ou desmontagem de dispositivos até a gestão de incidentes no local.

A ampla gama de atividades típicas das diferentes etapas da operação AMI exige que objetivos claros estejam definidos desde o início do projeto. Ao definir e desenvolver o sistema AMI junto com o prestador de serviços, as concessionárias devem observar certos benefícios:
 
  • Aproveitar o máximo da infraestrutura existente . Alcançar a maior eficiência possível, estender a vida do sistema e baixar o custo total de propriedade são metas importantes que podem ter impacto positivo sobre o ROI.
  •  
  • Assegura conformidade com as regulamentações. Por exemplo, as leituras de medidores e as quedas de energia que afetam cada cliente devem ser reportadas de modo rápido e preciso em alguns países.
  •  
  • Reduza custos com mão de obra. A capacidade de atingir mais dispositivos e reduzir as visitas de campo é emblemática de um sistema AMI otimizado.
  •  
  • Melhora o planejamento da capacidade para implementação de baixa tensão . As concessionárias podem ajudar a garantir um planejamento preciso de crescimento da rede e proteção de ativos com maior visibilidade da situação da rede.
  •  
  • Melhorar a detecção de queda de energia . A coleta precisa de dados, pela detecção de dispositivos sem comunicação, pelo uso do método de mensagem de ‘última coleta’ ou outros recursos do sistema AMI pode ajudar a reduzir o índice de ‘Minutos Perdidos do Cliente’.
  •  
  • Detectar furto de energia. Conhecer o equilíbrio da energia ajuda a descobrir roubos de energia. Portanto, as informações corretas que tornam este parâmetro confiável são essenciais em um sistema AMI.
  •  
  • Melhora funcionalidades e serviços. Um sistema flexível acomoda novos desenvolvimentos ao longo da vida útil da infraestrutura de medição, como as aplicações adicionais que exigem integração.
Um sistema AMI otimizado oferece claras vantagens comerciais, mas com tantas soluções disponíveis no mercado hoje, achar o sistema certo pode ser difícil para as concessionárias. Um prestador de serviços qualificado pode ajudar a restringir as opções para garantir uma implementação AMI bem-sucedida. Além disso, as concessionárias podem ter mais controle sobre o custo da operação e reduzir o risco financeiro, ao transferir custos e responsabilidades ao prestador de serviços.

As opiniões de especialistas da Schneider Electric podem ajudar as concessionárias a implementar uma infraestrutura ideal de medição avançada. Saiba mais baixando o artigo Os Três Pilares para uma Operação AMI Eficiente
Saiba mais