Bem-vindo ao website da Schneider Electric

Bem-vindo ao nosso site.

Pode selecionar outro país para consultar os produtos disponíveis ou aceder ao nosso website global para obter informações sobre a empresa.

Escolha outro país ou região

  • Ajudando pessoas com deficiência a viver de modo inteligente

Default Alternative Text
Robert Elkson, da DVISE Solutions; Phil Piggott, Parceiro de Negócios da Clipsal e Schneider Electric; Josh Ling, da DVISE Solutions; Peter Laggozino, Parceiro de Negócios da Clipsal e Schneider Electric; e Andrew Fragnito, da DVISE Solutions. "Desde os meus oito anos de idade, eu tinha o sonho de sair de casa, de viver no meu próprio apartamento e de ser independente, para poder mostrar aos meus pais tudo que eles me ensinaram. Agora, esse sonho se tornou realidade". -Inquilino de um Apartamento do Smart Living, Woodville West.

Os apartamentos inteligentes em Woodville West, SA fazem parte de um novo empreendimento chamado "The Square", um projeto da Renewal SA que prevê a construção de prédios de vários andares, trata-se de moradia segura e compacta para pessoas que buscam uma alternativa à casa tradicional nos subúrbios.

Oito dos apartamentos foram projetados e construídos especialmente para pessoas com deficiência. Equipados com toda a sorte de tecnologia de ponta, os apartamentos são um exemplo impressionante de como as tecnologias integradas podem fazer uma grande diferença, ajudando as pessoas a viver uma vida independente.

Como criar independência e inclusão
"Os serviços de deficiência estão migrando para a vida inteligente, promovendo a inclusão", diz Steve Alexander, Gerente de transição na comunidade dos Serviços de deficiência, Departamento de comunidades e inclusão social (DCSI).

Steve foi o idealizador do projeto e é ele que teve a visão de estimular as pessoas com deficiência a viver em um prédio de apartamentos usando tecnologia assistiva. "Estamos trabalhando juntos para fornecer moradias que ofereçam uma vida boa. Esperamos que isso possa resultar em outras iniciativas, no futuro."

Tony Piccolo MP, Ministro das Comunidades e da Inclusão Social, descreveu o projeto como um grande esforço de comunidade, entre o Governo da Austrália do Sul e todos os parceiros de tecnologia envolvidos, inclusive a Jackson Care Technologies e a Clipsal by Schneider Electric™.

"Estamos usando tecnologia de ponta para proporcionar uma moradia mais independente. É uma ótima tecnologia, que permite usar telefones celulares e tablets com Internet para criar uma conectividade do tipo “zeladora”, que dispara alarmes, por exemplo, no caso de picos de temperatura e que avisa a chegada e saída de pessoas. É o caminho do futuro e ele garante a independência."

A colaboração resulta em integração
Proporcionar o nível de tecnologia necessário não foi uma tarefa fácil e foi de fato, necessária uma colaboração entre vários participantes que precisaram de mais de dois anos para concluir esse projeto. A Universidade de Flinders foi contratada para definir as especificações de tecnologia e os fluxos de trabalho com os usuários finais. Ela se baseou na experiência da Clipsal by Schneider Electric e da Bob Cross Electrical, responsáveis pelas instalações C-Bus, como telas sensíveis ao toque, sensores de movimento e interruptores C-Bus Avanti. Toda essa tecnologia tem mecanismos de grandes dimensões, garantindo uma operação fácil e suave. Instaladores e integradores de sistemas autorizados C-Bus, como a DVISE Solutions, foram convidados para o projeto, para realizar a programação do sistema.

Um novo nível de segurança e independência
Com muita iluminação natural, os apartamentos de um quarto são espaçosos, confortáveis e modernos. As portas são mais largas do que em apartamentos convencionais e os eletrodomésticos da cozinha foram rebaixados para que os cadeirantes possam acessá-los. As áreas do banheiro e do quarto são de bom gosto e foram especialmente projetadas para facilitar o acesso rápido e fácil. Mas o que realmente diferencia os apartamentos é o nível de tecnologia integrada que permite que os inquilinos consigam viver sozinhos, entrar, sair e receber convidados à vontade, tendo também serviços de suporte imediato no local, em caso de necessidade. As tecnologias incluem um novo sistema de chamada IP de emergência da Jackson Care Technologies, controles ambientais e dispositivos de comunicação, tudo integrado em um único sistema.

Chaves não são necessárias para entrar nos apartamentos da Smart Living. Os inquilinos entram no edifício e no seu apartamento por um meio de acesso remoto que é acionado por um aparelho de controle remoto ou por um tablet com Internet. As portas não são apenas desbloqueadas, mas inteiramente abertas para que o inquilino em sua cadeira de rodas possa passar.

"Quando o inquilino estiver dentro de casa, ele utiliza os mesmos controles para regular a iluminação, ligar o ar condicionado e até mesmo controlar a TV", disse Josh Ling, integrador de sistemas da DVISE Solutions.

Isto se torna possível, devido à inclusão do popular C-Bus Wiser™ Home Control, um gateway que permite acessar toda a rede da casa. Do controle simples de alguns dispositivos, até a automação doméstica completa, o Wiser oferece um nível inédito de conveniência e funcionalidade.

Foram também programados cenários no sistema C-Bus: O cenário de boas-vindas opera a iluminação e o ar-condicionado, enquanto o cenário de despedida desliga toda a iluminação, o ar-condicionado e os aparelhos, ligando, em seguida, o sistema de segurança.

O sistema C-Bus integra-se ao sistema de comunicação global baseado na internet, desenvolvido pela Jackson Care Technologies. A tecnologia atinge um nível totalmente inédito, por meio do acesso ao serviço de zelador. O serviço de zelador conecta todos os apartamentos, proporcionando suporte e coordenação adicionais 24 horas por dia, sete dias por semana, ao toque de um botão ou de um ícone do tablet. O zelador, que se encontra no próprio complexo habitacional, pode controlar o sistema externamente e os inquilinos podem entrar em contato com ele pelo sistema.

A Jackson Care Technologies forneceu um serviço de monitoramento e de comunicação abrangentes. Isso inclui botões IP de pedido de ajuda e pontos IP de resposta, que permitem a zeladoria comunicar-se com os inquilinos e responder às suas solicitações. Sensores de temperatura estão localizados nos apartamentos e qualquer aumento ou queda drástica da temperatura alerta o zelador e desencadeia a escalada da chamada, se ela não for atendida.

Reconhecimento do sucesso
"Criar essa visão foi um grande desafio, mas cumprimos a nossa tarefa e os inquilinos estão muito felizes com a solução que fornecemos", disse Josh Ling. Com todos esses níveis sofisticados de integração e tecnologia, poderíamos facilmente acreditar que a tecnologia seria complexa e difícil de usar. Porém, a colaboração entre os parceiros de tecnologia, o programa de Parceria de dispositivos médicos, a Universidade de Flinders e o Departamento de comunidades e de inclusão social mostrou ser um excelente exemplo de como a integração pode unir e simplificar esse tipo de operação. A interface usada pelos inquilinos é muito clara e bem apresentada.

Saiba como o Wiser Home Control realmente integra suas tecnologias elétricas, de multimídia e telecomunicações em uma única solução, fácil de operar, modular e interoperável.
Saiba mais