Brasil

Bem-vindo ao website da Schneider Electric

Bem-vindo ao nosso site.

Pode selecionar outro país para consultar os produtos disponíveis ou aceder ao nosso website global para obter informações sobre a empresa.

Escolha outro país ou região

  • Hilton compartilha Melhores Práticas de Sustentabilidade em todo o mundo com educação on-line

Default Alternative Text
A orla de Roterdã também foi incluída na área protegida pela solução de correção automática da Stedin.

Uma das maiores concessionárias de energia elétrica da Holanda, a Stedin, tem grandes responsabilidades. Mais de dois milhões de clientes dependem dela em termos de eletricidade, inclusive agências governamentais, grandes clientes da área de finanças e da indústria e o porto de Roterdã, o maior porto da Europa.

Motivada pelo desejo de atender melhor seus clientes, a Stedin procurou uma solução que pudesse reduzir, significativamente, a duração das possíveis quedas de energia. O desafio era desenvolver uma solução econômica, de alta qualidade, para reenergizar rapidamente a rede de média tensão, em caso de queda de energia.

"Precisávamos aumentar o monitoramento em nosso sistema e combiná-lo com a redução de minutos perdidos por clientes. Tivemos então a ideia de instalar uma rede elétrica com correção automática", disse Edward Coster, um dos especialistas do Departamento de gestão de SM da Stedin.

Superação do desafio
Depois de analisar suas opções, a Stedin escolheu a Schneider Electric™. As duas empresas já se conheciam, pois tinham trabalhado juntas em vários projetos e a equipe da Schneider Electric conseguiu prever e evitar uma série de problemas técnicos. O resultado dessa parceria foi uma rede subterrânea, com correção automática, e descentralizada, a primeira dessa categoria, na Europa.

A solução de correção automática é baseada em um produto existente, a Unidade de terminal remoto Easergy T200. Sua instalação exige apenas pequenas reconfigurações, o que simplificou muito o projeto e acelerou o retorno do investimento. Além disso, devido à flexibilidade da Easergy T200, essa solução é escalável e pode ser replicada em outros locais.

Como ela funciona? 
Depois de sua instalação nas principais subestações de média tensão de uma rede de malha aberta, as unidades Easergy T200 estabelecem comunicação ponto a ponto, usando uma rede virtual privada. Caso uma falha ocorra na rede, o centro de controle será notificado, sem que haja necessidade de aguardar a resposta do operador. Em vez disso, as unidades Easergy T200 se comunicam automaticamente entre si, automaticamente, para detectar o local da falha, isolá-la e reenergizar as partes não afetadas da rede elétrica.

"A solução de correção automática permite à Stedin localizar e isolar a falha de média tensão o mais rapidamente possível, incomodando um número mínimo de clientes", comentou Lucas Pellegrin, vice-presidente de Feeder Automation da Schneider Electric.

"Quando digo o mais rápido possível, isso significa que temos menos de um minuto para reconfigurar a rede global", acrescentou ele.

Adição de inteligência à rede
A solução de correção automática subterrânea da Stedin, que inclui uma rede de malha aberta de aproximadamente 33 subestações de média tensão no centro de Roterdã, foi inaugurada em junho de 2012. O projeto inteiro levou, aproximadamente, um ano para ser concluído, do projeto até a energização.

"Acredito que precisamos melhorar permanentemente os serviços que fornecemos a nossos clientes. Foi por esse motivo que incluímos a rede de correção automática - e também mais inteligência - em nossa rede", disse Marko Kruithof, diretor de coordenação de redes elétricas da Stedin.

Hoje, no caso de uma queda de energia que, normalmente, duraria duas horas, o sistema reduz o tempo de reenergização das partes não afetadas da rede para menos de 30 segundos. Isso resulta em maior disponibilidade de energia para clientes corporativos e agências governamentais importantes. Além disso, isolando automaticamente a área afetada, levamos menos tempo para encontrar, diagnosticar e corrigir o problema que ocorreu.

Hoje, a eletricidade é muito importante. É como a água e o ar. Está em toda parte", afirmou Kruithof. "Uma queda de energia deve durar o mínimo possível, pois quando ela ocorre a vida para."

Veja você mesmo como funciona nossa solução de rede subterrânea com auto-recuperação. Assista: Stedin: Uma concessionária de energia com recursos de auto-recuperação
Saiba mais