Bem-vindo ao website da Schneider Electric

Bem-vindo ao nosso site.

Pode selecionar outro país para consultar os produtos disponíveis ou aceder ao nosso website global para obter informações sobre a empresa.

Escolha outro país ou região

  • Default Alternative Text

    Notícias

    Fique a par das últimas notícias sobre a Schneider Electric Portugal

Comunicado de Imprensa

A Ashoka e a Schneider Electric Foundation, em parceria com a Endesa, anunciaram os 15 vencedores do programa “Inovação Social para Combater a Pobreza Energética” 2017-2018, no âmbito do COP23 em Bona, na Alemanha

Em meados de junho de 2017, a Fundação Schneider Electric e a Ashoka, em parceria com a Endesa, lançaram uma call de propostas para selecionar as 15 organizações mais inovadoras que forneçam soluções criativas e com potencial de alto impacto para resolver a pobreza energética e promover a sustentabilidade da energia na Europa. A pobreza energética é um problema grave na Europa, onde dezenas de milhões de pessoas não têm acesso garantido aos níveis de calor, luz e energia para cozinhar a um preço acessível. Isso afeta seriamente a sua saúde e bem-estar e, em última análise, tem um impacto negativo na sociedade.

Após um apelo bem-sucedido, durante o qual foram recebidas propostas de mais de 40 inovadores sociais, os nomes dos 15 vencedores do Programa “Inovação Social para Combater a Pobreza Energética” 2017-2018 foram revelados durante a 23ª sessão da 

Convenção das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas (COP23) que decorre em Bona, na Alemanha. Trata-se de um grupo diversificado de inovadores sociais da Alemanha, Espanha, Grécia, Itália e Portugal, todos unidos por um compromisso na luta contra a pobreza energética, bem como na promoção da sustentabilidade energética nos seus respetivos países e na Europa.

No caso português, os inovadores sociais escolhidos foram:

  • António Bello, CEO da Just a Change, uma organização de voluntários que reabilita casas de famílias e pessoas pobres. Além de atacar vários problemas relacionados com a pobreza habitacional, a organização melhora o isolamento térmico das instalações, para assim aumentar a sua eficiência energética. Colabora com instituições locais, de modo a reunir voluntários e recursos que possam reconstruir e renovar os lares de famílias vulneráveis, identificadas pela comunidade local;
  • Nuno Brito Jorge, Presidente do Coopérnico, uma cooperativa de energia verde, que combina sustentabilidade, investimento com ética e apoio social. Os seus membros investem coletivamente em projetos de energia solar pertencentes à cooperativa que estejam instalados nos telhados de organizações de apoio social, as quais muitas vezes lutam para cobrir os seus próprios custos de energia;
  • João Pedro Gouveia, Investigador da CENSE (Centro de Pesquisa e Sustentabilidade Ambiental da FCT NOVA – Faculdade de Engenharia da Universidade NOVA de Lisboa). Ele reúne uma equipa de investigadores, que procuram dotar as agências governamentais, empresas e associações comerciais de conhecimento e pensamento analítico sobre mitigação climática, sobre futuros neutros em carbono, e competitividade das renováveis e eficiência energética.

A Fundação Schneider Electric, a Ashoka e a Endesa também selecionaram cinco inovadores sociais (um por país), os quais receberão uma doação de 2 mil euros para apoiar o seu trabalho. O beneficiário português do subsídio foi António Bello, da Just a Change.

Os 15 empreendedores sociais participarão num processo intensivo de assessoria, ao longo de 12 semanas. Pretende-se ajudá-los a elaborar uma estratégia efetiva, que vise aumentar o seu impacto. Eles serão apoiados por consultores qualificados, ao longo de cerca de 300 horas de sessões de tutoria. Participarão, ainda, numa última cimeira europeia de dois dias no final de abril de 2018, que lhes dará a oportunidade de apresentar a sua estratégia e receber feedback de parceiros especializados neste tema

A Fundação Schneider Electric, a Ashoka e a Endesa, desejam agradecer a todos os seus parceiros nos cinco países, que desempenharam um papel fundamental na promoção do convite para projetos.

Network Partners
Aephoria, AISA, APREN, Aster, BCSD Portugal, Beyond CSR, Bologna Startup, B1-AKT, Renewable Energies Chair, Clean Tech Energy Innovation Hub, Elpedison, EPIS, EIT Climate-KIC, Global Energy Transition, Global Shapers Milan, Global Sustain, Gridmates, IACACT, IES Social Business School, Impact Hub Lisbon, International Center for Climate Governance, IPES, Kilowatt, Kyoto Club, La Città Verde, Mazinnov, Orange Grove, Patras Science Park, Sustainability Intelligence in Action, SectorB, Social Innovation Exchange, Social Entrepreneurship Akademie, Social Impact, Socialidarity, Solidarity Mission, Source International, and Sympraxis.

Media Partners
EnergyPress, Enorm, Good Impact, ItaliaCamp, Italia Che Cambia, SKAI, Start Me Up, and tbd*.

Embaixadores
Angelos Souriadakis, Audrey Dobbins, George Koutitas, Gloria Pignatta, Manuel Collares-Pereira, Luísa Schmidt, Paola Valbonesi, and Roberto Carella.

Se tiverem questões, contactem por favor a Greta Rossi através do e-mail italy@tacklefuelpoverty.com.

Sobre a Schneider Electric
A Schneider Electric lidera a Transformação Digital na Gestão de Energia e Automação em Habitações, Edifícios, Centros de Dados, Infraestruturas e Indústrias.

Com uma presença global em mais de 100 países, a Schneider é líder incontestável na gestão de energia – em Média e Baixa Tensão, Alimentação Elétrica Segura e em Sistemas de Automação.

Fornecemos soluções de eficiência integrada que combinam energia, automação e software. No nosso Ecossistema global, colaboramos com a maior Comunidade de Parceiros, Integradores e Programadores através de uma Plataforma Aberta para proporcionar controlo em tempo real e eficiência operacional.

Acreditamos que bons colaboradores e parceiros fazem da Schneider uma grande empresa e que o nosso compromisso com a Inovação, Diversidade e Sustentabilidade garantem que Life Is On em qualquer lugar, para todos e em todos os momentos.

Sobre a Ashoka
A Ashoka é a maior rede de empreendedores sociais a nível mundial, com mais de 3.700 empreendedores em 98 países, que apoia inovadores sociais focados em mudanças sistémicas de padrões e empreendedores de alto-impacto que, de forma criativa, resolvem alguns dos maiores desafios sociais e ambientais do mundo

Sobre o Grupo Enel
A Enel é um grupo multinacional de energia e um dos principais operadores integrados globais dos sectores da energia e do gás. Trabalha em 31 países de 4 continentes, com mais de 65 milhões de consumidores finais no mundo inteiro, tem a maior base de clientes da Europa e é uma das principais empresas elétricas do continente no que se refere a capacidade instalada. O Grupo Enel é composto por quase 62.000 pessoas.
www.schneider-electric.pt